sábado, 30 de novembro de 2013

REVISTA STRANO - BRASIL - VIEIRA - BRANDÃO - GOLDMAN E MACÊDO





Revista Strano
Marcadores: Quadrinhos


O quadrinista Daniel Brandão acaba de lançar a revista em quadrinhos Strano, reunindo uma excepcional equipe de artistas da Arte Sequencial. Strano: excelência em terror, aventura e ficção!Se os editores brasileiros, sem razão, desdenhavam os quadrinhos brasileiros apontando a imaturidade e inconsistência dos autores, já não podem alegar o mesmo, diante de tantos exemplos de qualidade que se têm apresentado nos anos recentes. Uma nova geração de artistas e editores independentes têm se firmado à margem do mercado, mostrando sua grande capacidade criativa e iniciativa de autoprodução. Strano dá uma mostra dessa boa fase dos quadrinhos nacionais. 

A revista produzida pelo Estúdio Daniel Brandão, que inaugura o selo Universo Onírico, traz três histórias em quadrinhos com roteiros de Wilson Vieira e desenhos de Daniel Brandão, Allan Goldman e Fred Macêdo. São histórias curtas que enveredam pelo campo do terror, da aventura e da ficção, tratadas de forma provocante e original. 

Wilson Vieira é desenhista e roteirista de quadrinhos com mais de 36 anos de experiência e carreira internacional. Colaborou com o estúdio Staff di IF, de Gênova, Itália, e com a Sergio Bonelli Editore, para quem ilustrou alguns episódios de “Il Piccolo Ranger”. 

Daniel Brandão publicou na revista Pium, da Oficina de Quadrinhos da UFC e coeditou a premiada revista independente Manicomics, além de ter publicado nas editoras DC Comics, Dark Horse, Marvel, Panini, Abril e Maurício de Sousa Produções. Também dirige o Estúdio Daniel Brandão, com cursos de desenho, quadrinhos e mangá. 

Allan Goldman é outro desenhista a participar da revista. Tem trabalhos publicados na Manicomics e em várias revistas da DC Comics, além de quadrinhos, capas e ilustrações para revistas independentes do Brasil, França e Itália. 

Fred Macêdo também participou da Oficina de Quadrinhos da UFC e publicou na Pium, depois na Manicomics, em publicações italianas e desenhou uma adaptação de um álbum da banda Iron Maiden. Com um elenco desses só se poderia esperar uma revista com a qualidade gráfica e editorial da Strano, que traz artes espetaculares e a fluência textual de um verdadeiro mestre da narrativa em quadrinhos. As história publicadas na revista são produções programadas para o mercado europeu, mas que já se pode apreciar de antemão. Arnaldo P. Mont'Alvão Jr.  - Z12

Strano: excelência em terror, aventura e ficção

 Paraíba, julho 2011 - nº 22    


Strano: excelência em terror, aventura e ficção Se os editores brasileiros, sem razão,
desdenhavam os quadrinhos brasileiros apontando a imaturidade e inconsistência
dos autores, já não podem alegar o mesmo, diante de tantos exemplos de qualidade
que se têm apresentado nos anos recentes. Uma nova geração de artistas e editores independentes têm se firmado à margem do mercado, mostrando sua grande capacidade capacidade criativa e iniciativa de autoprodução.
Strano dá uma mostra dessa boa fase dos quadrinhos nacionais. A revista produzida
pelo Estúdio Daniel Brandão, que inaugura o selo Universo Onírico, traz três histórias em quadrinhos com roteiros de Wilson Vieira e desenhos de Daniel Brandão,
Allan Goldman e Fred Macêdo. 
São histórias curtas que enveredam pelo campo do terror, da aventura e da ficção, tratadas de forma provocante e original.


Wilson Vieira é desenhista e roteirista de quadrinhos com mais de 36 anos de
experiência e carreira internacional. Colaborou com o estúdio Staff di IF, de Gênova,
Itália, e com a Sergio Bonelli Editore, para quem ilustrou alguns episódios de “Il Piccolo Ranger”. 


Daniel Brandão publicou na revista Pium, da Oficina de Quadrinhos Capa da revista em quadrinhos Strano Editor: Henrique Magalhães.   Divulgue, mande para sua lista de contatos da UFC e coeditou a premiada revista independente Manicomics, além de ter publicado nas editoras DC Comics, Dark Horse, Marvel, Panini, Abril e Maurício de Sousa Produções. Também dirige o Estúdio Daniel Brandão, com cursos de desenho, quadrinhos e mangá.

Allan Goldman é outro desenhista a participar da revista. Tem trabalhos publicados
na Manicomics e em várias revistas da DC Comics, além de quadrinhos, capas
e ilustrações para revistas independentes do Brasil, França e Itália.

Fred Macêdo também participou da Oficina de Quadrinhos da UFC e publicou na Pium, depois na Manicomics, em publicações italianas e desenhou uma adaptação de um álbum da banda Iron Maiden.

Com um elenco desses só se poderia esperar uma revista com a qualidade gráfica
e editorial da Strano, que traz artes espetaculares e a fluência textual de um verdadeiro mestre da narrativa em quadrinhos. As história publicadas na revista são produções programadas para o mercado europeu, mas que já se pode apreciar de antemão. 
H. Magalhães -  SITE MARCA DE FANTASIA